Zona Azul em BC: R$ 5,00 por duas horas?

A reativação do estacionamento rotativo ou zona azul em Balneário Camboriú consta de edital em lançamento pela prefeitura. A intenção é acionar o sistema no começo da temporada de verão deste ano.

Esta é uma nova tentativa, após outras torpedeadas por questões legais diante de exames do Tribunal de Contas do Estado. O atual está livre de empecilhos formais. Por enquanto.

O contrato será de 10 anos, com previsão de 3022 vagas, mais do dobro do que existia no último sistema.  Estão dentro áreas de comércio antes excluídas e também o pátio de prefeitura.

A tarifa é de R$ 2 para uma hora de estacionamento e R$ 5 para duas horas, segundo argumentam, para estimular a rotatividade. O pagamento poderá ser feito por aplicativo de celular, em parquímetros ou em comércios conveniados.

Há previsão de sensores de vagas, através dos quais, via celular, os usuários saberão o número de vagas existentes em cada rua.

“Sem dúvida haverá ainda muita discussão sobre isso. Principalmente em relação aos valores: os preços estão fora do normal, comparados com qualquer cidade do Brasil. Nem Dubai comporta isso.”

O ideal será ter valores diferenciados entre as áreas centrais e as mais afastadas e não valores iguais para todas. Do jeito que se anuncia, inclusive com a multiplicação de vagas, haverá o risco de abranger regiões  majoritariamente residenciais e, ao que parece, a intenção não é democratizar ocupação de vagas e sim arrecadar, com lucros para a operadora licitada. E lucro enorme. Um verdadeiro caça-níquel.

Por Aderbal Machado

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *