Vereadora Anna Carolina solicita instalação de Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar compras de máscaras realizada pela Prefeitura de Itajaí

Assinaturas necessária para tramitação já foram coletadas.

Os fortes indícios de superfaturamento na compra de máscaras descartáveis pela Prefeitura de Itajaí, a falta de gestão de estoque e a suspeita de adulteração na data de fabricação/validade, foram alguns dos motivos que fundamentaram o requerimento de instalação para a abertura de CPI.

A iniciativa da investigação é da vereadora Anna Carolina Martins (PSDB), que tornou públicas as suspeitas, após fiscalização dos contratos e nos locais onde encontravam-se armazenadas a milhares de máscaras. As assinaturas necessárias para a tramitação da abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito foram obtidas nesta terça-feira (10), durante sessão da Câmara de Vereadores.

“Percebemos que a Prefeitura comprou uma quantidade muito grande de máscaras, num valor acima da média de mercado, o que demostra claramente o mau uso do dinheiro público”, alertou Anna Carolina.

Conforme a parlamentar o Município adquiriu mais de 10 milhões de máscaras, com valor unitário de R$ 1,10, o que totalizou R$ 11.880.275,00. O mesmo produto foi adquirido por outros municípios por R$ 0,46 a unidade. Também houve adulteração na etiqueta de fabricação/validade de máscaras o que foi certificado pela Justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *