Saneamento Básico: qualidade de vida e preservação do meio ambiente

Muito se ouve falar a respeito de saneamento básico nos dias de hoje, mas você realmente sabe o que estas palavras significam? O termo saneamento básico define um conjunto de procedimentos adotados com o objetivo de proporcionar desenvolvimento e qualidade de vida para a população. Com estas medidas, é possível garantir a promoção da saúde, evitando assim a proliferação de doenças, e ao mesmo tempo, garante-se a preservação do meio ambiente e facilidades nas atividades econômicas.

O saneamento básico no Brasil é compreendido por quatro serviços: o abastecimento de água potável e o esgotamento sanitário, que são de responsabilidade da Águas de Bombinhas, somados à gestão de resíduos sólidos urbanos e o manejo de águas pluviais urbanas.

 

Entenda um pouco mais sobre cada um destes setores:

 

Abastecimento de água potável: construída há pouco mais de dois anos pela Águas de Bombinhas, a cidade possui um sistema de captação e tratamento de água próprios, incluindo uma Estação de Tratamento de Água de última geração. Para a água ser considerada própria para o consumo humano, ou seja, potável, deve obedecer a padrões de potabilidade: físicos (cor, transparência, odor e sabor), químicos (presença de substâncias químicas) e bacteriológicos (presença de microrganismos vivos).

 

Coleta e tratamento de esgoto: o novo sistema de esgotamento sanitário de Bombinhas já foi projetado pela concessionária Águas de Bombinhas e aguarda somente as licenças ambientais para que inicie a implementação. A previsão é de que a empresa invista cerca de R$85 milhões no esgotamento da cidade.

 

Gestão de resíduos sólidos urbanos (RSU’s): este setor é composto pela coleta e destinação do resíduo sólido doméstico e também o da limpeza pública. A coleta seletiva, com a separação e reciclagem do lixo, também entra neste segmento.

 

Manejo de água pluviais urbanas: o sistema de drenagem pluvial de uma cidade pode variar entre a microdrenagem e a macrodrenagem, sendo que as atividades contemplam desde a retirada das águas da chuva de passeios e calçadas, por exemplo, até a instalação de tubulações para evitar alagamentos ou enchentes.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *