Rio Itajaí-Mirim atinge pico de 4,95 metros em Brusque

Defesa Civil de Brusque informou na noite desta terça-feira, 15, que o pico máximo do nível do rio Itajaí-Mirim foi registrado entre 20h45 e 21h, chegando a 4,95 metros. Mais cedo, o órgão havia projeto que o limite seria de 6,5 metros às 22h.

A nova medição levou em consideração dados repassados pela Central de Monitoramento e Alerta da Defesa Civil catarinense. O trabalho foi feito em conjunto com a colaboração do professor da Univali, hidrólogo Carlos Alberto Rockenbach. Ele analisou o fenômeno da chamada “maré de sizígia”, que contribui para a vazante do rio.

Desta forma, o rio ao longo desta quarta-feira, 16, deve baixar de nível gradativamente. Também, leva em conta as previsões de baixa precipitação pluviométrica das próximas horas, que não deve ser maior que 20 mm. Portanto, será evitado novos alagamentos na avenida Beira-rio.

A Defesa Civil de Brusque informa que continua em Estado de Alerta. Portanto, monitora, além do rio, as encostas e outras áreas suscetíveis a ocorrências. Qualquer chamado pode ser feito pelo telefone 199 ou para o Corpo de Bombeiros Militar no 193.

Eclipse Solar contribuiu para escoamento das águas

A “maré de sizígia” é registrada quando da ocorrência de três ou mais alinhamentos de corpos celestiais de um mesmo sistema.

Nesta segunda-feira, 14, o evento astronômico do eclipse solar, visto em boa parte da América do Sul, foi o responsável da “sizígia”. Que no caso específico de Brusque, somado ao fato do Itajaí-mirim desaguar não tão distante do mar, contribuiu pela boa vazante do rio.

Via O Município Imagem Ciro Groh

Chuva e instabilidade devem permanecer até o fim de semana.

JANELÃO
“Tenha fé, vai dar tudo certo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *