Obra da ponte da marginal entra em nova fase; trânsito será alterado em Balneário

A construção dos dois blocos que vão sustentar os pilares da ponte sobre o rio Camboriú, na marginal Leste, em Balneário Camboriú, deve começar nos próximos dias. A obra é uma importante mudança na mobilidade urbana da cidade para desafogar o movimento na BR 101.

A ponte, de 430 metros, vai permitir que moradores e turistas que vêm da Interpraias possam acessar o centro da cidade sem ter que pegar a BR 101. Quem fica responsável pela obra é a empresa Arteris – Autopista Litoral Sul (a mesma que gerencia a BR 101) -, e que ganhou a concessão da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

O prefeito Fabrício Oliveira (PSB) diz que a obra é importante também para o acesso ao Centro de Eventos que, com a abertura, deve aumentar ainda mais o trânsito da região.

Mudanças no trânsito

A fase que a obra entrará agora, a de construção dos blocos de sustentação dos pilares, obriga restrições no trânsito durante os próximos três meses. Isso porque eles serão construídos próximos da rua 3700 com a rua Dom Afonso, paralelamente à ponte já existente da BR 101.

A partir do próximo dia 16 de março, uma das faixas da rua 3700 será interditada para a continuação da obra e o trânsito no local terá horários intercalados de fluxo. Os motoristas transitarão em mão única da rua Dom Afonso (Via Gastronômica) em direção ao centro (pela rua 3700), das 6h da manhã até às 14h.

Das 14h até a meia-noite, o fluxo será o contrário, do centro (pela rua 3700) em direção aos bairros (para a rua Dom Afonso).

Da meia-noite às seis da manhã, o trânsito será interrompido totalmente, na passagem da 3700 para a Dom Afonso, por questões de segurança.
O diretor presidente da BC Trânsito, Ricieri Ribas Moraes, recomenda que os motoristas usem rotas alternativas, isso ajuda a diminuir os congestionamentos, principalmente nos horários de pico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *