Motorista esfaqueado no centro de Camboriú morre no Hospital

Cláudio Juriatti, de 54 anos, veio a óbito, logo após dar entrada no Hospital Ruth Cardoso em Balneário Camboriú.

Segundo informações de testemunhas, a vítima e o autor estavam no interior de uma I/KIA SPORTAGE EX 2.7 G1 parados no semáforo da Rua Coronel Benjamin Vieira, quando iniciaram uma briga. Aparentemente Juriatti, levou oito facadas, sendo cinco no tórax, uma no braço direito. O autor do crime, não foi localizado. A polícia investiga o caso.

Segue relatório da PM:

Na noite de ontem (domingo) deste mês, por volta das 22h30min, a Polícia Militar foi empenhada pela Central de emergência para atendimento de ocorrência de possível esfaqueamento, na Rua Coronel Benjamin Vieira, Centro, Camboriú.

A guarnição constatou que havia um homem caído em via pública com perfurações pelo corpo, razão pela qual foi imediatamente acionado o SAMU, que prestou socorro à vítima, deslocando-a ao Hospital Ruth Cardoso em Balneário Camboriú.

Imagem: Josias Pereira

Segundo informações de testemunhas, a vítima e o autor estavam no interior de uma I/KIA SPORTAGE EX 2.7 G1 parados no semáforo da Rua Coronel Benjamin Vieira, quando iniciaram uma briga e o motorista desceu do veículo sangrando, já o passageiro se evadiu sentido Rua João Moraes, dispensando a referida faca (se tratava de uma do cabo branco, tipo de açougueiro e lâmina de aproximadamente 20 cm.) próximo ao automóvel.

Assim, os policiais militares isolaram a área para perícia, realizaram o controle de trânsito, enquanto as demais guarnições empenharam-se para encontrar o autor do crime, contudo não se obteve êxito.

Cabe ressaltar que após os dois ocupantes deixarem o automóvel, este andou sozinho (possuía câmbio automático) até colidir em uma placa, na Rua Coronel Benjamin Vieira, esquina com a Siqueira Campos.

Imagem: Josias Pereira

No Hospital, obteve-se a informação de que a vítima, Claudio Juriatti, de 54 anos, veio a óbito e possuía, aparentemente, oito perfurações, sendo cinco no tórax, uma no braço direito, uma na mão direita e outra no pescoço.

Todos os órgãos competentes foram acionados e compareceram ao local para as providências necessárias. Dados e informações acerca da identificação do autor foram repassados à instituição competente.

Brianna Tosetto de Souza
Tenente Respondendo pelo Comandando da 1ª Companhia do 12º Batalhão de Polícia Militar

O Janelão/ Fonte: Polícia Militar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *