Mãe que esfaqueou filha em Balneário Camboriú carregava faca dentro da mochila, diz polícia

Investigação analisou imagens de câmeras de segurança e depoimento de testemunha. Filha, de 13 anos, morreu na quinta-feira (12).

Após análise de imagens das câmeras de segurança e depoimento de uma testemunha, a Polícia Civil descobriu que a mãe que esfaqueou a filha na orla de Balneário Camboriú, no Litoral Norte, carregava a faca usada no crime dentro da mochila. As informações são do delegado responsável pelo caso, Ícaro Malveira. A filha, de 13 anos, morreu na quinta-feira (12).

A agressão ocorreu no calçadão da Avenida Atlântica em 5 de setembro. Segundo a Polícia Civil, a menina de 13 anos estava envolvida com um vendedor ambulante, de 32 anos.

Publicidade

De acordo com o delegado,

“ela [mãe] ficou aguardando os dois na frente do quiosque. Estava bem alterada, estava ingerindo alguma bebida, não sei dizer se era bebida alcoólica. Quando eles chegaram ao local, foi deferindo chutes, socos, gritando”.

Segundo Malveira, o vendedor ambulante se afastou das duas e ficou na lateral do quiosque enquanto mãe e filha brigavam na frente do estabelecimento. “Ela [mãe] puxou essa faca e deferiu um golpe de cima para baixo, atingindo o coração”, afirmou o delegado.

Por G1 SC
Jheimili Yara da Silva morreu após ser esfaqueada pela mãe — Foto: Reprodução/Facebook

Veja mais sobre essa notícia no link abaixo 👇

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *