Homem  é detido por invasão de Área de Preservação Permanente na Praia Brava 

A Guarda Municipal Ambiental Maykon Francisco realizou, em conjunto com o Instituto Itajaí Sustentável (Inis), Secretaria de Obras e Projeto Vidas, uma operação para desocupação de um acampamento montado em uma clareira no meio da restinga, nas margens da Lagoa do Cassino, na Praia Brava em Itajaí. 

No local, havia tenda, camas improvisadas, rede, churrasqueira, utensílios de cozinha, roupas e muito lixo.

O indivíduo responsável pela invasão foi conduzido para a Central de Plantão Policial e responderá pelo crime previsto no artigo 48 da Lei N. 9.605, de 12 de fevereiro de 1998 e artigo 20 da Lei 4.947, de 06 de abril de 1966.

A secretaria de Obras providenciou a retirada de todo material acumulado no local.

“A restinga é um importante tipo de vegetação, e está enquadrada como Área de Preservação Permanente. A Gamf realiza o monitoramento periódico da restinga no Município de Itajaí, justamente para inibir esse tipo de atividade, e ajudar na prevenção do Meio Ambiente na nossa cidade, explica o Coordenador da Guarda Municipal, Marco Antônio Otávio.”

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *