Filho desnaturado é afastado de casa  por maltratar pai idoso 

Guarda Municipal de Itajaí através da GPCAMI, juntamente ao Ministério Público, promoveram o afastamento desse filho que maltratava o próprio pai.

A GM foi acionada na semana passada para verificar uma possível situação de maus tratos contra idoso de 69 anos, residente no Bairro Dom Bosco, ao chegar no local, não encontrou o filho em casa, mas pode conversar com o idoso e outros familiares, que expuseram a situação.

Trata-se de um filho usuário de drogas, que vendia os objetos da casa e extorquia o pai para sustentar o vício. Além disso, leva outros usuários para dentro de casa, deixando o lar em péssimas condições de higiene.

O idoso relatou ser impossível a convivência, pois além da violência financeira, seu filho também o maltrata verbalmente, proferindo diversos xingamentos.

Diante da gravidade da situação, a GPCAMI acionou o Ministério Público, demonstrando a impossibilidade da permanência do filho no local.

Nesta última segunda-feira (29), o Poder Judiciário expediu então a medida protetiva, determinando o afastamento do filho do local, e o impossibilitando de manter contato com o pai, diante da situação de maus tratos.

Dessa forma, foi procedido o afastamento definitivo e a simples permanência ou aproximação do local, configura crime, sujeito a pena de prisão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *