Família acusa Hospital Ruth Cardoso por morte de jovem em Balneário Camboriú

Em nota o hospital nega que o jovem não teria sido atendido com urgência, tendo inclusive, passado por vários exames…

O jovem cascavelense Ivonei dos Santos, 24 anos faleceu no Hospital Ruth Cardoso no último domingo (03), na cidade de Balneário Camboriú/SC em decorrência de falência dos rins, conforme o relato de familiares. A notícia veio a público através de uma matéria veiculada pelo portal de notícias local, Jornal Razão.

De acordo com informações de amigos, que desabafaram nas redes sociais após o fato, Ivo estava com a barriga ‘quase três vezes maior do que o normal e com os lábios roxos’ quando chegou ao hospital, porém não teve a atenção médica necessária.

Hospital Ruth Cardoso

Durante a semana ele já tinha sido internado no Ruth Cardoso (na terça feira-26 e na quarta feira-27). “Hoje não o atenderam assim que ele chegou, mesmo com nosso amigo implorando”, contou uma testemunha.

Ivo teve que se deitar de bruços em uma maca e aguardar no corredor, mesmo perdendo a visão diante dos amigos e posteriormente entrando em óbito.

Nota Hospital Ruth Cardoso

A Secretaria de Saúde esclarece que não procede o relato feito numa postagem na rede social, a respeito do atendimento prestado pelo Hospital Ruth Cardoso a Ivonei dos Santos, 24 anos, falecido na tarde do último domingo (3).

Ivonei dos Santos procurou o hospital no dia 2 de março, às 7h09min, foi atendido às 7h27min e medicado às 8h20min, sendo posteriormente liberado para casa.

No dia 3 de março, chegou às 12h54min ao hospital, recebeu atendimento às 13h03min e foi medicado. Às 13h50min foi avaliado pelos médicos, inclusive pelos especialistas em cirurgia geral. Às 14h20min começou uma bateria de exames, entre eles tomografia de abdômen, colonoscopia, endoscopia, tomografia do tórax, lombar e do pulmão, gasometria e ainda exames sanguíneos.

Na sequência, recebeu medicação e o tratamento pertinente ao quadro. Ivonei dos Santos faleceu em decorrência de uma infecção generalizada. Ele já estava em tratamento na rede pública de saúde do município, devido a uma patologia que necessita atenção específica, onde era acompanhado por médicos especializados.

O Hospital recebeu ainda, a informação de que Ivonei dos Santos teria sido atendido no Hospital Marieta Konder, onde também foi liberado e já solicitou o prontuário àquela instituição.

Por fim, como medida de precaução a direção do hospital solicitou à empresa terceirizada que presta serviço de emergência no pronto-socorro, a substituição dos profissionais que atenderam o caso, até que seja concluída a análise dos prontuários.

O corpo do rapaz veio para Cascavel onde está sendo velado e será sepultado na terça-feira (05) às 9h no Cemitério Cristo Rendetor, localizado no Bairro Guarujá.

Ivonei foi morar em Balneário Camboriú há 4 anos.

Via cgn.inf.br

One Comment on “Família acusa Hospital Ruth Cardoso por morte de jovem em Balneário Camboriú”

  1. Esse hospital é uma droga, as pessoas chegam para ser atendidas e o que acontece? Os médicos, as enfermeiras, e o restante dos funcionários somem, e as pessoas ficam agonizando 24 Horas enquanto aguarda a boa e lenta vontade desses FDP’s que são pagos com o nosso dinheiro para fazerem nada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *