Dois catarinenses estão entre os atletas mortos no incêndio que atingiu o CT do Flamengo

Na madrugada desta sexta-feira (08) o centro de treinamento do Flamengo, na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro, foi atingido por um incêndio, as chamas deixaram ao menos dez mortos e três feridos. O Corpo de Bombeiros não informou o nome das vítimas.

Continua depois do anúncio

Publicidade

Dentre os mortos confirmados, estão dois atletas catarinenses, um deles é o goleiro Bernardo Pisetta, da cidade de Indaial. O outro é Victor Isaías, da cidade de Florianópolis. Os dois catarinenses estavam no alojamento do CT do Flamengo na hora do incêndio.

O local, conhecido como Ninho do Urubu, fica no bairro da Vargem Grande, as chamas atingiram principalmente o alojamento onde dormiam os jogadores de base do time do Flamengo. A instalação abrigava atletas entre 14 e 17 anos de idade. Eles dormiam quando o incêndio começou, por volta das 5h da manhã. As chamas foram controladas as 7h20, mais de duas horas depois do início do fogo.

Continua depois do anúncio

Mande mensagem para nossa reportagem, pelo WhatsApp ‘996216941’

A relação preliminar dos mortos na tragédio foi divulgada pelo Corpo de Bombeiros. São atletas e funcinários que estavam no Ninho do Urubu quando começaram as chamas. Os mortos confirmados até o momento são: Arthur Vinicius, Athila Paixão, Bernardo Piseta, Christian Esmério, Gedson Santos, Pablo Henrique, Samuel Thomas, Victor Isaías, Jorge Eduardo e Kykelmo de Souza Vianna.

Além da vítimas fatais, outros três jovens atletas estão feridos, são eles Cauan Emanuel Gomes Nunes, de 14 anos; Francisco Diogo Bento Alves, de 15 anos e Jonathan Cruz Ventura, também de 15 anos. Dentre eles, Jonathan é o que está em situação mais grave.

Conteúdo: www.visornoticias.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *