Distribuição de água em Penha durante o Carnaval foi uma das melhores dos últimos anos

Os foliões que escolheram Penha, no litoral norte de Santa Catarina, para aproveitar o feriadão de Carnaval tiveram em 2020 um dos melhores carnavais dos últimos tempo quando o assunto é distribuição de água tratada.

A concessionária Águas de Penha, empresa responsável pelo saneamento básico do município, não registrou ocorrências de falta de água no período, mesmo com o aumento expressivo do consumo. De sexta-feira, dia 21, até segunda-feira, 24, foram distribuídos 42,8 milhões de litros de água.

“Temos um compromisso com os penhenses e estamos envidando os melhores esforços para atendê-los adequadamente. O contrato de concessão de Penha conta com uma fiscalização da Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento (Aris), que vem acompanhando de perto nosso esforço e ações para uma melhor distribuição”, esclarece a presidente da concessionária, Reginalva Mureb.

De acordo com Gilberto Manzoni, presidente da Associação de Moradores e Amigos da Praia Grande, Cascalho e Poá (AMAPG), o abastecimento nos bairros que fazem parte da entidade não teve qualquer tipo de oscilação.

A região uma das que mais sofria com precariedade no abastecimento em dias de aumento do consumo. “Mesmo com a cidade cheia, o fornecimento de água foi normal”, disse. Na avaliação de Gilberto, este resultado pode ser atribuído aos investimentos que a concessionária fez nos últimos meses, como reabertura de poços e construção de um novo reservatório. A estrutura tem capacidade para armazenar 2 milhões de litros de água.

Com opinião semelhante, Marinho Alves, presidente da Associação dos Moradores da Praia do Quilombo e morador de uma casa de dois pavimentos, destacou que o abastecimento foi normal no bairro durante todo o Carnaval. “Em alguns momentos até identifiquei baixas pressões, mas nunca ficamos sem água”, destacou. Ele explica que faz pare de um grupo em uma rede social com mais 200 participantes de Penha e ninguém reclamou de desabastecimento durante o período.

Fernanda Barreto, gestora operacional da Águas de Penha, destaca a importância das obras que a concessionária vem realizando na cidade para garantir o fornecimento. O sistema de Penha recebeu um conjunto de melhorias para aprimorar a distribuição principalmente nos pontos considerados mais críticos, as pontas de rede. Entre as obras realizadas estão a de ampliação de redes nas ruas Inácio Francisco de Souza, Laureno Francisco de Souza e Sérgio Gentil Serpa, no bairro Armação. A operação permitiu a ligação dos poços Santa Clara I e II ao reservatório Morro do Ouro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *