Coronavírus está matando mais homens do que mulheres

Fumar, beber, problemas de saúde em geral: os pesquisadores dizem que esses são alguns dos fatores que podem explicar por que mais homens parecem estar morrendo de coronavírus do que as mulheres.

Em países como a Itália, os homens representam quase 60% das pessoas que apresentaram resultado positivo para o vírus e mais de 70% das que morreram, segundo o Instituto Nacional de Saúde (ISS) do país. Mesmo em países como a Coréia do Sul, onde a proporção de mulheres que testaram positivo para o vírus é maior que a dos homens, cerca de 54% das mortes relatadas são entre homens. Mas enquanto as autoridades de saúde estão começando a tomar nota desses números surpreendentes, os Estados Unidos não estão divulgando os dados básicos de todo o país, que são cruciais para entender quem é mais vulnerável ao vírus, segundo uma análise da CNN.

Deborah Birx, coordenadora de resposta ao coronavírus da Casa Branca, disse em uma entrevista coletiva na Casa Branca na sexta-feira:

“Da Itália, estamos vendo outra tendência preocupante. Que a mortalidade em homens parece ser duas vezes em todas as faixas etárias de mulheres”.

Quando a CNN solicitou aos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA dados divididos por sexo nos casos de coronavírus nos EUA e mortes por coronavírus, conhecidas como dados desagregados por sexo, o CDC não respondeu.

Veja também:

Cataratas do Iguaçu perdem turistas e hotéis ficam vazios no Paraná

Dúvidas sobre medicamentos no combate à Covid-19

Dados abrangentes sobre aqueles que ficaram doentes podem ajudar a fornecer respostas mais efetivas à crise. Mas os pesquisadores de saúde pública afirmam que, quando governos como os Estados Unidos não coletam ou publicam seus dados, é impossível que os especialistas tenham uma noção precisa do que está acontecendo. Dados divididos por sexo.

Em colaboração com o Global Health 50/50, um instituto de pesquisa que examina a desigualdade de gênero na saúde global, a CNN analisou os dados publicamente disponíveis de 20 países com o maior número de casos confirmados de Covid-19 no momento da coleta de dados – 20 de março. O objetivo era ver por que os homens parecem estar morrendo mais do que as mulheres.

Por CNN INTERNACIONAL https://edition.cnn.com/2020/03/24/health/coronavirus-gender-mortality-intl/index.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *