Caso Mariane: perícia conclui que mulher morreu com 27 facadas e prisão dos envolvidos pode ser decretada a qualquer momento

A DIC (Divisão de Investigação Criminal) da Polícia Civil de Itajaí já identificou os assassinos de Mariane Kelly Souza, de 35 anos. A atendente foi encontrada morta no rio Itajaí-Açu em Navegantes na última sexta-feira (9), após pegar carona com um conhecido na noite de quinta-feira (8), em Itajaí.

Marine foi morta de forma cruel com uma pedrada na cabeça e 27 (vinte e sete) facadas no peito, depois disso os assassinos amarraram os pés e as mãos e jogaram o corpo dela no Rio Itajai-Açu em Navegantes.

Em contato com o delegado Sérgio de Souza que cuida do caso, ele nos disse que:

“A identificação dos autores já temos. Agora para efetuar a prisão basta a conclusão do inquérito policial, isso se o judiciário deferir as prisões”.

Credito: Repórter Paulo Roberto

Anuncie onde sua marca é vista!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *