Câmara de Vereadores de Camboriú contínua gastando muito

Números do Portal da transparência mostram que a Câmara de Vereadores de Camboriú, custa R$ 355.646,98 reais por mês aos cofres públicos, e possui atualmente 89 pessoas na folha de pagamento.

A atual gestão tem como Presidente da Casa Legislativa o Vereador Fabiano Olegário do PDT, que se consolidou como uma das gestões legislativa, mais caras da história da cidade.

Vereador Fabiano Olegário-PDT

São 15 vereadores com bons salários. Como presidente da casa legislativa, Fabiano Olegário-PDT, por exemplo recebe R$ 9.760,00 reais. Cada um dos vereadores tem três assessores, que ganham bons salários. Cada vereador possui um chefe de gabinete que recebe R$3.068,77 reais por mês de salário, esse é mesmo valor pago a todos os chefes de gabinete dos vereadores que possuem mais dois assessores cada um, ganhando um pouco menos que o chefes de gabinetes.

Além dos 45 assessores e dos 15 vereadores a câmara possui mais 29 funcionários, distribuídos em diversos cargos comissionados e efetivos.

Para bancar esses gastos a câmara irá gastar em 2021, R$ 4.860.000 reais, dos 5.395.000,00, previstos. Portanto 90% dos gastos são com com folha de pagamento.

Vale a pena salientar, que a casa legislativa gastou cerca de 14% a mais que no mesmo período de 2019, quando alertamos, sobre os gastos da câmara daquela época, que já gastavam muito.

ANUNCIE NO ‘O JANELÃO’ O MAIOR PORTAL DE NOTÍCIAS DE CAMBORIÚ

Sobre gastos com viagens e diárias , até que os gastos estão destro da normalidade, e não são exagerados. Isso levando em conta, que a grande maioria dos vereadores, em suas viagens, trazem emendas e recursos para o município de Camboriú.

Importante salientar, que esta reportagem apenas está mostrando onde, quanto e como, é gasto o dinheiro público pago pelo contribuinte de Camboriú. Entendemos que apesar de acharmos um absurdo a quantia gasta, ainda mais em época de pandemia, onde gestores públicos deveriam dar exemplo, os gastos aqui mostrados, apesar de exagerados estão dentro da lei e portanto não há nada de ilícito. Somente serve de reflexão, uma vez que a sociedade tem o dever e direito de participar de todo o processo democrático, não apenas de votar.

Jornalismo O Janelão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *