Águas de Penha investe em monitoramento remoto da qualidade de água  

Empresa instalou equipamentos que medem, em tempo real, a qualidade exata de cloro e fluoreto

 

A Águas de Penha investiu recentemente na compra de equipamentos para garantir a qualidade da água e manter os níveis exatos de cloro e fluoreto para a distribuição. Os analisadores monitoram a qualidade da água que chega de Balneário Piçarras em tempo real, tornando mais eficaz a tomada de decisões e garantindo a qualidade da água.

 

Conforme Claudinei Dumke, supervisor de operações da concessionária, esta medida segue as determinações da Portaria de Consolidação nº 5/2017 do Ministério da Saúde e a Portaria Estadual 421/2016. Conforme a legislação, a quantidade permitida de cloro é de 0,2 até 2mg por litro de água e para o parâmetro fluoreto, o recomendado pela legislação é 0,8 mg por litro, podendo estar entre 0,7 e 1,0mg/L.

 

“Por isso o monitoramento pelos analisadores em fluxo é tão importante. Com eles, conseguimos garantir a quantidade exata do produto e ter certeza de que o consumidor está recebendo a água com qualidade”, completa. Claudinei ainda explica que são realizadas análises diárias para garantir a qualidade de água nas redes de distribuição.

 

A dosagem correta de cloro é fundamental, porque ele garante a qualidade da água, tornando-a livre de bactérias e qualquer micro-organismo que possa estar presente. “O cloro é a garantia de uma água potável e que pode ser consumida”, diz. Já a função do fluoreto na água é garantir a prevenção da cárie dentária da população.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *